top of page
  • Foto do escritorVitaclass

DTM: o que é e como tratar a disfunção temporomandibular?

Você já ouviu falar sobre disfunção temporomandibular (DTM) e está procurando maneiras eficazes de tratá-la? A DTM é um problema comum que afeta a articulação temporomandibular, musculatura mastigatória e estruturas associadas, podendo causar dores de cabeça, dificuldade em abrir ou fechar a boca e até mesmo dor facial. 


Neste artigo, vamos explicar em detalhes o que é a DTM e como você pode tratá-la de forma eficaz. Aprenda sobre os sintomas comuns, as possíveis causas e os diferentes métodos de tratamento disponíveis. Além disso, vamos compartilhar dicas valiosas para aliviar a dor e melhorar a funcionalidade da articulação temporomandibular.


O que causa a DTM ?

A disfunção temporomandibular pode ser causada por uma série de fatores. Uma das causas mais comuns é o bruxismo noturno ou apartamento diurno. Esse hábito pode sobrecarregar a articulação temporomandibular e a musculatura podendo gerar dor e desconforto.


De acordo com a Doutora Jordana Senff (CRO 30.179), Dentista Especialista em DTM e dor orofacial, além do bruxismo, microtraumas como roer unha, morder lápis/caneta ou macrotraumas, como pancadas na região da mandíbula, também podem contribuir para o desenvolvimento da DTM. 


Ansiedade, estresse e outros problemas sistêmicos, como doenças autoimunes, também podem desencadear DTM. O estresse crônico pode levar a uma tensão excessiva nos músculos da mandíbula, causando dor e dificuldade de movimento. 


Sintomas da disfunção temporomandibular

Aprenda como tratar a DTM

Os sintomas da DTM podem variar de pessoa para pessoa. Mas os mais comuns incluem dores de cabeça, dor na musculatura da face, dificuldade para abrir ou fechar a boca, estalos na mandíbula ao mastigar e/ou ao abrir a boca e até mesmo zumbido no ouvido.


Além disso, algumas pessoas podem experimentar dor no pescoço e nos ombros, problemas para morder ou mastigar alimentos e até mesmo dor de ouvido. Esses sintomas podem ser constantes ou intermitentes, e podem piorar ao longo do tempo se a DTM não for tratada adequadamente.


É importante estar atento aos sinais e sintomas da DTM e procurar um dentista especialista na área. Um diagnóstico preciso é fundamental para um tratamento eficaz.


Diagnóstico da disfunção temporomandibular

O diagnóstico da DTM geralmente é feito por um dentista especializado em disfunção temporomandibular. Durante a consulta, o profissional realizará uma anamnese e exame físico detalhado, incluindo a palpação da articulação temporomandibular e dos músculos faciais.


Além do exame físico, o profissional também pode solicitar exames de imagem, como radiografias, tomografias ou ressonância magnética, para avaliar a condição da articulação temporomandibular.


Um diagnóstico preciso é fundamental para determinar o tratamento adequado para a DTM. É importante buscar um profissional qualificado e experiente para garantir um diagnóstico correto e um plano de tratamento eficaz.


No vídeo abaixo, a Doutora Jordana Senff (CRO 30.179), Dentista Especialista em DTM e dor orofacial, fala sobre os impactos da DTM na qualidade de vida e como buscar ajuda:


Tratamentos não invasivos para a disfunção temporomandibular

Existem várias opções de tratamento minimamente invasivos para a DTM. Essas opções incluem uma série de orientações, fisioterapia, termoterapia, acupuntura, uso de placas oclusais personalizadas e técnicas de relaxamento muscular.


Mulher é analisada por dentista sobre DTM

A fisioterapia pode ser muito eficaz no tratamento da DTM, onde o fisioterapeuta utiliza técnicas de relaxamento, alongamento, fortalecimento e exercícios específicos para aliviar a dor e melhorar a função da articulação temporomandibular.


O uso de placas de mordida personalizadas também pode ser uma opção de tratamento não invasivo. Essas placas são feitas sob medida para se encaixarem perfeitamente nos dentes e ajudam a aliviar a pressão sobre a musculatura e articulação temporomandibular.

Além dessas opções, técnicas de relaxamento muscular, como meditação e respiração profunda, podem ser eficazes no alívio da dor e do estresse associados à DTM.


Medicamentos para aliviar os sintomas da DTM

Em alguns casos, medicamentos podem ser prescritos para aliviar os sintomas da disfunção temporomandibular. Esses medicamentos incluem analgésicos, anti-inflamatórios não esteroides e relaxantes musculares.


Os analgésicos podem ser usados para aliviar a dor associada à DTM. Os anti-inflamatórios não esteroides também podem ser prescritos para aliviar a dor e a inflamação na articulação temporomandibular. Já os relaxantes musculares podem ser indicados para ajudar a relaxar os músculos da mandíbula e aliviar a tensão associada à DTM. Esses medicamentos podem ser prescritos por um médico e devem ser usados com cuidado, pois podem causar sonolência e outros efeitos colaterais.


Em dores crônicas, também podem ser utilizados antidepressivos ou anticonvulsivantes em dose baixa para o alívio da dor, lembrando que esses medicamentos só são vendidos com receita médica. 


É importante lembrar que o uso de medicamentos para tratar a DTM deve ser feito sob orientação médica. 


Cirurgia como opção de tratamento para a disfunção temporomandibular

Em casos graves de disfunção temporomandibular, e que não responderam ao tratamento minimamente invasivo, procedimentos cirúrgicos podem ser considerados como uma opção de tratamento.


Existem diferentes tipos de cirurgia que podem ser realizados para tratar a DTM, incluindo a artrocentese, a discopexia e a prótese de articulação temporomandibular.


  • Artrocentese: é um procedimento minimamente invasivo que envolve a inserção de pequenas cânulas na articulação temporomandibular para remover fluidos e debris. Esse procedimento pode ajudar a aliviar a dor e melhorar a função da articulação.

  • Discopexia: é realizada para corrigir problemas na posição do disco da articulação temporomandibular que estão causando a DTM. Durante o procedimento, o cirurgião reposiciona esse disco para melhorar a função da articulação temporomandibular.

  • Prótese de articulação temporomandibular: é um procedimento mais complexo que envolve a substituição da articulação danificada por uma prótese artificial. Esse procedimento é reservado para casos graves de DTM em que outros tratamentos não foram eficazes.


A cirurgia é geralmente considerada como uma opção de tratamento de última linha para a DTM, devido aos riscos e complicações associados ao procedimento. É importante discutir todas as opções de tratamento com um profissional da saúde antes de considerar a cirurgia.


Como prevenir a DTM

Embora nem sempre seja possível prevenir a disfunção temporomandibular, existem algumas medidas que você pode tomar para reduzir o risco de desenvolver ou perpetuar essa condição. Aqui estão algumas dicas para ajudar a prevenir a DTM:


  1. Não aperte os dentes. O apertamento é uma das principais causas da DTM. Portanto, evite sempre que possível. Se você notar que está apertando os dentes durante o dia, procure um dentista para avaliar a situação e discutir opções de tratamento.

  1. Reduza o estresse. O estresse pode levar a uma tensão excessiva nos músculos da mandíbula, contribuindo para o desenvolvimento e manutenção da DTM. Encontre maneiras saudáveis de reduzir o estresse, como praticar exercícios físicos, meditar ou fazer atividades relaxantes.

  1. Mantenha uma boa postura. A má postura pode afetar a musculatura da face e a articulação temporomandibular. Certifique-se de manter uma postura correta durante o dia, especialmente quando estiver sentado ou em frente ao computador.

  1. Evite alimentos duros e pegajosos. Estes alimentos podem colocar uma pressão extra na articulação temporomandibular. Tente evitar alimentos como doces duros, chicletes e nozes, que podem prejudicar a saúde da sua mandíbula.

  1. Faça pausas durante atividades que exigem a abertura prolongada da boca. Se você realiza atividades que exigem uma abertura prolongada da boca, como tocar um instrumento musical ou cantar, faça pausas regulares para descansar a mandíbula.

Encontre ajuda para tratar a DTM

A disfunção temporomandibular pode ser uma condição dolorosa que afeta a qualidade de vida de muitas pessoas. No entanto, existem várias opções de tratamento disponíveis que podem ajudar a aliviar os sintomas e melhorar a função da articulação temporomandibular.


É importante buscar um diagnóstico precoce e preciso e discutir as opções de tratamento com um profissional qualificado. Tratamentos não invasivos, uso de placas oclusais, terapias alternativas, medicamentos e até mesmo cirurgia podem ser considerados, dependendo da gravidade da DTM.


Lembre-se de que cada caso é único e o tratamento adequado pode variar de pessoa para pessoa. Consulte um profissional de saúde para obter orientação personalizada e comece a tomar medidas para tratar a disfunção temporomandibular e melhorar sua qualidade de vida.


Doutora Jordana Senff (CRO 30.179) é Dentista Especialista em DTM em Florianópolis e dor orofacial


Procurando uma profissional para tratar DTM em Florianópolis? A Doutora Jordana Senff (CRO 30.179) é Dentista Especialista em DTM e dor orofacial e pode ajudar você.



Comments


bottom of page